Escolhendo a Pessoa Certa

9 de setembro de 2015
Casal rindo1-Existe minha alma gêmea? -Quem escolhe com quem vou me casar? Eu ou Deus? -Só existe uma pessoa certa? Se eu casar com a pessoa errada?
1) “Eu preciso encontrar alguém que seja a minha ‘alma gêmea’, a minha ‘cara metade’?”

Existe um mito popular, de que devemos encontrar uma pessoa que será perfeita para nós! Tal pessoa alguns denominam de minha outra metade da laranja, ou minha cara metade, ou minha alma gêmea. No imaginário destas pessoas, todo o ser humano é incompleto, até que encontre o seu par. Além disto, a pessoa encontrada será tão perfeita, que sendo um complemento de tudo o que somos e gostamos, não nos criará grandes problemas! Doce ilusão!

Não existe “alma gêmea” (aliás, isto está mais para esoterismo do que cristianismo). Também não existe “cara metade”, pois cada ser humano é um inteiro e não uma “metade”. Unir duas metades, pode ser uma bonita linguagem metafórica, mas além da imagem parecer monstruosa, não é verdade – pois um casal irá unir “dois inteiros” e nunca duas metades! Um casal de “inteiros”, com suas histórias, seus anseios, seus desejos, seus pontos positivos e negativos – que passarão por um tempo de conhecimento e adaptação, cedendo naquilo que é possível ceder, um pouco cada um. Esta é a função do período de namoro. Após passarem por este tempo de conhecimento, irão decidir se querem ou não caminhar juntos, construindo um casamento, alicerçado num amor verdadeiro.

A palavra CONVIVER, é a soma de duas outras palavras: VIVER COM. Conviver como casal, implica em viver com o(a) parceiro(a) os bons e maus momentos que a vida traz, desfrutando as alegrias, mas também buscando soluções e saídas, às dificuldades à frente. Lembrando que os bons momentos, são sempre em número muito maior, que os maus momentos.

2) “Sou EU que escolho, ou é DEUS quem escolhe a pessoa com quem vou me casar?”

Antes de responder esta pergunta, vamos dar uma orientação sobre fazer “decisões corretas”, em qualquer área da nossa vida:

a) Quando a Bíblia for CLARA no assunto: OBEDEÇA! Exemplo: a Palavra de Deus é CONTRA matar, roubar e mentir – não há o que ter dúvida: Deus quer que obedeçamos!

b) Quando a Bíblia NÃO FOR CLARA no assunto: somos LIVRES e RESPONSÁVEIS pela escolha que fizermos! Exemplo: assuntos como “que profissão devo escolher?”, “que faculdade vou cursar?”, “com quem devo me casar?”, não existe orientação bíblica específica sobre estes assuntos. Assim, você é livre e responsável para escolher, usando o máximo de sabedoria bíblica que puder.

Vamos então responder à pergunta: “Sou EU ou DEUS quem escolhe a pessoa com quem vou me casar?”. Não existe nenhuma passagem bíblica que lhe dê a resposta: “Case-se com a Suzana” ou “Case-se com o Mário”. Assim sendo, SOMOS NÓS quem escolhemos com quem vamos nos casar. Somos LIVRES e RESPONSÁVEIS para fazer esta escolha, com todas as consequências implicadas. Mas será muito sensato de nossa parte, se fizermos esta decisão “em parceria” com Deus.

O namoro é o tempo das descobertas. Avalie da melhor forma, todos os dados, com o conhecimento que conseguiu neste período. Descubra o máximo sobre o outro: sua personalidade, seu caráter, seus valores, seu jeito de agir, afinidades e hábitos. Tenha em mente o que é negociável e o que é inegociável. Clame pela Sabedoria de Deus, para discernir uma coisa da outra.

Além disso, peça conselhos e opiniões a pessoas confiáveis. O envolvimento emocional, muitas vezes impede de enxergar e perceber as situações. Alguém que esteja fora do problema, pode fazer uma avaliação mais correta, sobre um assunto que você tenha dúvida.

A decisão e suas consequências, são de nossa própria responsabilidade. Aprendemos com erros e acertos, embora tentemos sempre, errar o mínimo possível. Nosso objetivo deve ser agir, dia-a-dia, com SABEDORIA cada vez maior (baseada num crescente conhecimento da Bíblia). Em nosso coração, devemos ter a convicção de que em TODAS as decisões, vamos nos submeter à Vontade Soberana de Deus.

3) “Só existe UMA pessoa certa, para que eu me case? E se eu escolher a pessoa ERRADA?”

Não há informação bíblica, que nos diga se existe APENAS UMA pessoa certa, para que casemos. O que existe, é o ensino apostólico sobre ser “marido de uma só mulher” e consequentemente, válido também para esposas terem um só marido (1Tm 3:2; Tt 1:6).

Podemos citar entretanto, como nós pessoalmente cremos: entendemos que Deus, permite que conheçamos VÁRIAS PESSOAS boas e confiáveis. Mesmo não sendo perfeitas, seriam ótimos cônjuges, com quem poderíamos ter um casamento feliz. Nós iremos conhecê-las melhor e decidir com quem ficaremos.

Depois que escolhermos e casarmos com a pessoa, vale o princípio bíblico: “marido de uma só mulher” (ou, mulher de um só marido)! Se fizemos a escolha, lutaremos pelo bom relacionamento, diariamente. Problemas de relacionamentos poderão existir, mas podem e devem ser tratados. Não posso “jogar tudo para o alto”, achando que “casei com a pessoa errada”! Neste caso, é hora de pedir ajuda, para restaurar os rumos do casamento.

(Este texto é parte do Livro: “Histórias de Amor com Um Toque Divino” de Sergio e Magali Leoto, Editora Thomas Nelson Brasil, www.thomasnelson.com.br)

Você gostaria de levar Pr. Sergio e Psi. Magali Leoto à sua Igreja?
Informações: Envie um e-mail para smleoto@uol.com.br, ou ligue para nós!
Fones: (11) 3288-2964 e 99957-0451

Share Button

Deixe seu Comentário

Comentários

Comentários